• Facebook Classic
  • Wix Twitter page
  • Instagram
  • Wix Google+ page
  • Myspace Social Icon
  • Soundcloud Classic
  • c-youtube

© 2020 by Michelle Spinelli @ All rights reserved. 

Álbum @2007

Michelle Spinelli & Tomati at Sound of Home

          ... by Jota Souza
Music Producer and Art Critic
"The perfect marriage between Michelle and Tomati, both musically and in life, is imprinted on this Brazilian Music album with the contribution of great musicians from the country and abroad and gives title to the show. After a few successful seasons in New York, the Duo was sure to record an album with a repertoire exclusively of Brazilian Music, Michelle Spinelli and Tomati interpret new arrangements of classics of composers such as: Tom Jobim, Carlos Lyra, Dorival Caymmi, Chico Buarque and others ... and that gave rise to the Show “Som de Casa” (Sound of Home).

 

The mood of their sound is the "fusion" environment created by Tomati's electric guitar in heart touching jazz harmonies, sometimes unusual in Bossa Nova and Samba. To complete, the unique and powerful interpretation of Michelle Spinelli in highly complex versions, but sound extremely easy listening and natural to the audience. Her voice is crystal clear and always precise making the exquisite lyrics and melodies, shine even more. The show has arrangements of Tomati, a Wizard of Sounds who has graduated from the Guitar Institute of Technology in Hollywood, California in 1987.

Dedicated to Brazilian Music and to the "fusion" of styles such as Jazz, Bossa Nova, Samba and even the power of Rock. Together, Tomati and Michelle make a sophisticated, neat and tasteful Show. They perform a program that excites the listener and leaves the audience in a tropical trance of warm Brazilian beaches and cool Samba vibes!!!

         It originates from Brazil but incorporates a world sound.
         They create a musical language that is universal to all!"
_______________________________________
_______________________________________
EM PORTUGUÊS:
O casamento perfeito entre Michelle e Tomati, tanto musicalmente como na vida, esta impresso neste disco de música brasileira que conta com a presença de grandes músicos do país e do exterior.
Após pequena temporada de sucesso em NY, o duo teve a certeza de que deveria gravar um disco com um repertório exclusivamente de música brasileira, Michelle Spinelli e Tomati interpretam novos arranjos de clássicos de compositores tais como: Tom Jobim, Carlos Lyra, Dorival Caymmi, Chico Buarque e outros.
 
Nas palavras de Jota Souza: “MICHELLE SPINELLI é, a meu ver, sem medo de errar, uma das mais brilhantes cantoras reveladas nos últimos anos. Possuidora de qualidades excepcionais. A forma de cantar é personalíssima. Não há vestígios de imitação, é ela própria, francamente exposta, em todas as faixas do disco. Um timbre belíssimo, onde graves e agudos são perfeitamente audíveis e equilibrados, muitíssimo agradável ao ouvido e à alma. Como se isso já não bastasse, é segura, afinadíssima, precisa no ritmo, amiga da divisão, de interpretação comoventemente sensível e de perfeita dicção.
 
Para completar, o disco tem arranjos e participação de Tomati, (Guitarra, violão harmonicamente bonito e criativo) um mago na harmonia que estudou no Clam, de Zimbo Trio e é graduado no Guitar Institute of Technology, em Hollywood, Califórnia, onde estudou com Joe Pass e Scott Henderson, dentre outros.
Os arranjos são sofisticados, esmerados e de bom gosto, servindo plenamente ao clima das canções. Os outros músicos são, só craques, Cuca Teixeira e Turquinho Filho (bateria), Edu Martins, Thiago Espírito Santo e Rubens Farias (baixo). David Richards (sax) e o genial Bruno Cardozo. Outro fator relevante do disco: as letras e as melodias são primorosas. É dos poucos, com canções não inéditas, que, às primeiras audições, tenha ficado indiferente a alguma delas.”
 
Tanto em Duo como em quarteto, o show exprime maravilhosamente o amor pela música e o quanto à fusão de estilos como o samba, o rock, o blues, o jazz e a bossa nova, pode ser feita nos arranjos, adicionando muita improvisação e tornando as apresentações ainda mais interessantes ao público, que se depara com o virtuosismo interativo, criativo e empolgante, trazendo diferentes idéias musicais a cada noite.
 
         Um baile de linguagem universal.
         Brasileiros, sim, mas, acima de tudo, do mundo.